Os temperos do Corpo e da Saúde

Temperos Do Corpo
Alimentação, Dicas de Saúde,

Os temperos do Corpo e da Saúde

Os temperos do Corpo e da Saúde

Você sabia que muitos temperos além de dar sabor para os pratos oferecem muitos benefícios para o nosso corpo? Alguns temperos podem ser grandes aliados para conquistar a silhueta tão sonhada por mulheres e homens. Isso tudo porque muitos de nossos temperos possuem efeitos terapêuticos em pequenas doses, aumentando o metabolismo e imunidade depois de consumidos.

Várias pesquisas realizadas em universidades da Alemanha, França, Estados Unidos e Brasil tem comprovado o que os nossos antepassados já sabiam: as ervas aromáticas e as especiarias possuem princípios ativos com propriedades medicinais. Vale mencionar que dentre todos os alimentos da famosa Dieta do Mediterrâneo, as ervas e especiarias estão presentes, juntamente com o azeite de oliva.

Além do aroma e sabor que conferem culinária, seu consumo bastante interessante na diminuição do consumo de sal. Outra propriedade a capacidade de ajudar no processo digestivo. Presentes nos cardápios, elas estimulam a produção de enzimas envolvidas na digesto e assim facilitam a absorção dos diversos nutrientes.
Na culinária, devem ser utilizadas com equilíbrio para destacarem o sabor de um prato e nunca para sobrepujar seu sabor.

As ervas frescas devem ser picadas o mais perto possível da hora de servir e serem acrescentadas na preparação no final do cozimento, para evitar que seu gosto e seus componentes medicinais se percam. Não no caso de preparações que no necessitem de cozimento, devem ser colocadas bem antes da hora de servir, para que possam misturar-se e dar seu sabor especial aos outros ingredientes. As ervas secas costumam ser acrescentadas no começo do processo de cozimento.

Propriedades medicinais e uso culinário dos temperos

 

Açafrão: antioxidante, anti-inflamatório, auxiliar no tratamento da prisão de ventre.
Uso: arroz, sopas, saladas, carnes, pães.

Aipo ou Salsão: digestivo, indicado para flatulência (gases), diurético.
Uso: sopas, minestrone e salpicão.

Alecrim: digestivo, antioxidante, estimulante, ativador da circulação sanguínea, antidepressivo e antisséptico.
Uso: carnes e massas

ALFAVACA ou Manjericão: digestivo, sedativo, tônico, baixa a febre; auxiliar no tratamento de infecções bacterianas e parasitas intestinais.
Uso: tomates, massas, berinjela, peixes de carne firme.

Alho: antioxidante e digestivo; melhora a circulação sanguínea e purifica o sangue.
Uso: carnes, aves, molhos em geral e refogados.

Baunilha: estimulante, afrodisíaca e digestiva.
Uso: perfumar bolos, doces, cremes, mingaus, bebidas e licores.

Canela: digestiva e antioxidante; ajuda a prevenir osteoporose, a controlar a pressão sanguínea e a aliviar sintomas da menopausa.
Uso: compotas, infuses, marinados, picles e ensopados (em casca) e bolos, pães, biscoitos, mingaus e doces (em p).
Cardamomo: antioxidante, estimulante e digestivo.

Uso: pratos indianos, tortas e bolos escandinavos, carne de carneiro e porco, fígado, peixes e sopas, arroz, bolachas, licores, cafés, conservas de arenque e saladas de frutas.
Cebola: antioxidante e digestiva.
Uso: pratos salgados.

Coentro: antioxidante, digestivo, auxiliar no tratamento da ansiedade, moderador de apetite.
Uso: peixes, frutos do mar, molhos, sopas, carnes, aves, pães.

Cominho: diurético, auxiliar no tratamento de gases.
Uso: molhos, cremes, peixes, carnes, assados, legumes, ovos, sopas e pães. essencial no curry.

Cravo-da-índia: ajuda a aliviar sintomas da menopausa, a proteger contra aterosclerose e diminuir os níveis de colesterol.
Uso: doces, pães, marinados, assados de porco, molhos e chutney.

CURRY: feito com até 65 tipos de especiarias diferentes. Estimulante e digestivo.
Uso: culinária indiana, arroz.

Temperos Do Corpo E Da Saude Curry Indiano

Temperos Do Corpo E Da Saude Curry Indiano

Erva Doce: combate tontura, náuseas, infecções intestinais e estomacais.
Uso: A base da haste usada como legume. As folhas podem ser servidas em saladas ou guarnecendo outras preparações.

Estragão: estimulante de apetite; alivia reumatismo e artrite, regulariza a menstruação, diurético.
Uso: saladas, sopas, assados de forno, peixes, carnes, aves e molhos.

Gengibre: antioxidante; ajuda a tratar enjoos, combater infecções, prevenir doenças cardiovasculares; auxiliar no emagrecimento.
Uso: cru como acompanhamento, picles, molhos, doces, bolos, pães, saladas e carnes de porco.

Hortelã: estimulante, digestiva. Não Recife, o pé da folha usado para combater parasitas intestinais (ameba e giárdia) em crianças.
Uso: chás, sucos, saladas, molhos para carnes e massas, pratos da cozinha do médio oriente.

Louro: antioxidante, digestivo; estimula o apetite; auxiliar no tratamento da gripe.
Uso: cozidos, assados, feijões, massas, caldos e carnes.

Mostarda: antioxidante.
Uso: conservas, pães, assados, picles e marinados (em grão) e carne de porco, embutidos, peixes e maionese (em pé ou pasta).

NOZ Moscada: afrodisíaca, usada para problemas hepáticos.
Uso: doces, molhos e massas. Deve ser ralada somente na hora do uso e necessita de pequena quantidade para dar seu aroma.

Orégano: digestivo, antioxidante, antibacteriano, antibiótico, analgésico, sedativo; auxiliar no tratamento de gripes, resfriados e clicas menstruais.
Uso: molhos italianos, de tomate, ensopados, massas, sopas e espetinhos (de carneiro e porco).

Páprica: estimulantes e digestivas.
Uso: pode ser usada no lugar da pimenta seca.

Papoula: digestiva.
Uso: bolos, pães, tortas, doces e molhos.

Pimentas: antioxidantes; purifica o sangue, auxilia na prevenção de doenças do coração, no tratamento da obesidade, nas dores reumáticas (compressas locais).
Uso: pratos salgados.

Salsinha: favorece o equilíbrio hormonal; fonte rica em betacaroteno (vitamina A) e Vitaminas do Complexo B; alivia os sintomas da bronquite, asma, clicas menstruais e cistite; auxiliar no tratamento de cálculos renais e clicas.
Uso: molhos, patês, saladas, legumes, peixes, omeletes, sopas e guisados.

Salvia: digestiva, antioxidante; auxiliar no tratamento de problemas de fígado, suor excessivo, ansiedade, depressão e sintomas da menopausa.
Uso: carne de boi e porco, peixes firmes, ovos, queijos e saladas.

Tomilho: digestivo, desinfetante, antisséptico; expectorante, limpa as vias respiratórias e o intestino.
Uso: sopas, aves, peixes, carnes, saladas, molhos, preparações a base de tomate.