Joinville, 02 de Setembro de 2014

Batata-Doce – o carboidrato do atleta

Compartilhar:

Sem dúvida, a batata doce é um dos alimentos fonte de carboidratos preferidos dos adeptos da musculação, especialmente, dos fisiculturistas. Está sempre presente no cardápio da maioria dos campeões, especialmente na fase mais específica da preparação, a pré-contest.

No Brasil, há quatro tipos de batata doce, que são classificados de acordo com a cor da polpa: batata-branca, também conhecida como angola ou terra-nova, que tem a polpa bem seca e não muito doce; batata-amarela, parecida com a anterior, mas de sabor mais doce; batata-roxa, com casca e polpa dessa cor, é a mais apreciada por seu sabor e aroma agradáveis, sendo ótima para o preparo de doces; e, batata-doce-avermelhada, conhecida no nordeste do Brasil como coração-magoado, tem casca parda e polpa amarela com veios roxos ou avermelhados.

O grande sucesso da batata doce em uma dieta é devido em grande parte a seu índice glicêmico. Este índice reflete o impacto promovido pelo carboidrato ingerido nos níveis sangüíneos de glicose, sendo que quanto mais baixo, melhor (exceto em algumas situações específicas, tal como imediatamente após um treinamento).

Em relação à glicose, o índice glicêmico da batata doce é 44, o que pode ser considerado baixo comparando-se com o arroz branco (64) ou com o pão branco (71). Isto a torna excelente para ser ingerida como fonte de carboidratos durante o dia, e principalmente, entre 1 e 2 horas antes de uma sessão de treinamento com pesos.

Além do índice glicêmico favorável, esse alimento possui alta taxa de vitamina A (sobre tudo a amarela e a roxa), vitaminas do complexo B e alguns sais minerais, como cálcio, ferro, potássio, fósforo e um pouco de vitamina C. Suas folhas também são bem nutritivas e podem ser preparadas como qualquer outra verdura de folha.

Muitas pessoas ainda confundem a batata doce com a inglesa, crendo que os valores nutricionais são semelhantes. Apesar de haver entre os dois tubérculos uma perfeita concordância no que diz respeito ao teor em substâncias nutritivas, calorias e água, existe grande diferença quanto ao índice glicêmico (a batata inglesa possui um IG muito maior). As batatas-doces também são mais ricas em ferro e possuem 5 vezes mais cálcio. Isto tem uma importância especial para cobrir determinadas necessidades dietéticas. Outro caso é o teor em vitaminas. A batata-doce é muitíssimo mais rica em vitamina A do que a batata inglesa, tendo um alto valor dietético nas doenças causadas por avitaminose A, além de possuir mais fibras.

No período pré-contest, qualquer erro pode significar o insucesso do atleta, portanto a dieta deve ser precisa. Dentre esta pequena variedade, preferimos sempre a batata doce como principal fonte de carboidratos da dieta e com o peito de frango como principal fonte protéica. Além de não ser necessária a inclusão de qualquer tempero durante o preparo (que necessita apenas de água fervendo e nenhuma habilidade do cozinheiro), é fácil ajustar as quantidades a serem consumidas.

A batata-doce fornece em média para cada cem gramas: 116 calorias, 1,16 gramas de proteínas, 30,10 gramas de carboidratos e 0,32 gramas de lipídios

Vale ressaltar que a inclusão da batata doce na dieta do praticante de atividade física ou atleta em quantidades apropriadas, assim como de qualquer outro alimento, depende de uma enormidade de fatores, que só um profissional habilitado pode avaliar. A dieta deve possuir o adequado equilíbrio entre os nutrientes, pois de nada adianta utilizarmos uma ótima fonte de carboidratos, se os demais nutrientes da dieta não estiverem presentes com a mesma harmonia. Consulte sempre seu nutricionista!

Nicole Eccel – de Brusque, Santa Catarina

Na fase pré-contest a dieta de Nicole fica restrita a frango e batata doce, sendo que 1 vez no dia usa a carne vermelha

Nicole Caroline Eccel, 24 anos, da cidade de Brusque, começou seus treinamentos em musculação em setembro de 2009, em menos de um ano consagrou-se vice-campeã brasileira pela IFBB.

Em seu treino usa o método da falha total submáxima e máxima para todos os grupos musculares, além disso, aplica drop set ou super séries dependendo do objetivo do período.

Clique e encontre NutricionistasLojas de SuplementosClínicas de Estética

Confira mais matérias em Dicas de TreinoPerformance Esportiva

Já curtiu a nossa Fan Page no Facebook?

Fonte: Musculação e  Cia., Fisiculturismo

O Portal em Forma tem caráter informativo baseado em artigos e textos de fontes reconhecidas.  Aconselha, mas não substitui por completo o orientação de um profissional especializado, seu diagnóstico ou tratamento.  Nunca ignore o conselho clínico na busca de tratamento ou melhorias na qualidade de vida. O Portal em Forma busca informações precisas de profissionais que estão a sua espera para lhe propor as melhores opções.   Veja em nosso menu de buscas diversos profissionais na área de Nutrição e Educação Física e BOM TREINO!

Compartilhar:
1 Comentário
  1. Bom dia!
    Muito bom artigo.Obrigada.LINDA!

Deixe seu comentário


Warning: curl_setopt() [function.curl-setopt]: CURLOPT_FOLLOWLOCATION cannot be activated when safe_mode is enabled or an open_basedir is set in /home/lchoajft/public_html/wp-content/themes/portalemforma/google_weather.class.php on line 314
Previsão do tempo para:
[X]
  Joinville / SC Assista o vídeo
02/09 Ter
20ºC
16ºC
Nublado com possibilidade de garoa de manhã, chuva à  tarde e à  noite.
03/09 Qua
23ºC
16ºC
Sol com muitas nuvens durante o dia. Períodos de nublado, com chuva a qualquer hora.
04/09 Qui
21ºC
15ºC
Chuvoso durante o dia e a noite
05/09 Sex
21ºC
12ºC
Sol com muitas nuvens durante o dia e períodos de céu nublado. Noite com muitas nuvens.
Fonte: ClimaTempo